31 maio 2006

Shiloh Nouvel Jolie-Pitt

Com um nome destes já tinha ganho um oscar antes de nascer...

27 maio 2006

Filhos da Fruta: Maio 2006

Filhos da Fruta: Maio 2006

Se ir ao Brasil fosse tão caro como o bilhete para Cacilhas, preferia apanhar o cacilheiro.


Costa da Caparica


Fonte Luminosa de Cacilhas


Queen Mary II


Búzios


Cascatas de Cacilhas

Só não tens solep na língua porque não keres!





6 Baldes + Tarde


Que tempo verbal e “nao deveria ter acontecido”? Preservativo imperfeito?


Pois é... "Cá" estamos novamente... "Cá", aqui... Aqui... "aonde"?...


Precisamente dentro da fruteira... BULL!... No vermelhinho... Mais perfeito k um 180...

26 maio 2006

Alfa e Ómega



Depois do fim, há sempre um princípio! E que princípio...

19 maio 2006

Sonhos secretos


Pois é, o Campo Pequeno reabriu fazendo as delícias de muitos. De uns mais do que doutros.
Por exemplo, este senhor deve ter ficado mais do que deliciado.
Muito tinha ainda a postar, mas agora não me apetece...

Como uma verdadeira empresa

Os testículos são o centro logístico da vida:
Produzem, guardam e distribuem!

15 maio 2006

Marota


... Assentada à chaminé, veio uma pulga, mordeu-me o pé. Óh ela chora, óh ela grita.
Óh vai-te embora, óh vai-te embora pulga maldita!

Para preencher...


Ausência

Por muito tempo achei que a ausência é falta.
E lastimava, ignorante, a falta.
Hoje não a lastimo. Não há falta na ausência.
A ausência é um estar em mim. E sinto-a, branca, tão pegada, aconchegada nos meus braços, que rio e danço e invento exclamações alegres, porque a ausência, essa ausência assimilada, ninguém a rouba mais de mim.

Carlos Drummond de Andrade

09 maio 2006

Alegria



Passeava eu calmamente numa rua de Lisboa, num belo fim de trade qunado, assim como por milagre encontro três grandes amigos! E é por isso que escrevo aqui hoje...para partilhar com o resto da frutalhada a minha felicidade.

É com alegria que verifico que, pondo de parte as calcinhas de fazenda vincadas, as noivas transladadas e a simpatia desajeitada... HÁ MERDAS QUE NUNCAM MUDAM!

Gostei de vos ver malta!

E gostaria de aqui dizer, que estas poucas mas minhas palavras, não se destinam a agradar a acidez dessa fruta granulenta chamada MARACUJA. É simplesmente um grito de alegria!

07 maio 2006

Ouvi dizer que hoje é dia da mãe. Depois fui consultar o calendário, e é verdade. Segundo a tradição, o primeiro domingo de Maio "pertence" à mãe.
Depois verifiquei que também existe um dia do pai, 19 de Março. E até um dia da criança, 1 de Junho. Mas e os outros? Os que não são pais, nem mães, nem crianças? Não merecem um dia? Ou têm de contentar-se com o dia do asmático, ou o dia do não fumador, ou outro dia qualquer, menos aquele a que têm direito.
Hoje toda a comunicação social estava resignada ao dia da mãe. Mas eu não percebo isto. Sinceramente.
O que vale é que a minha mãezinha também não acha justa esta distinção e emigra sempre que pode nesta altura.
Isto sim, é digno de um agradecimento maternal.
E pronto. Deixo aqui a minha indignação, em jeito de reclamação, com a esperança que os tempos mudem e melhores dias virão!

02 maio 2006

Resultados do referendo

De que cor era o cavalo branco de Napoleão?

Votes

-Amarelo. Vê-se logo pelo queijo - 0% - 0

-Cor de burro quando foge - 26% - 5

-Napoleão nem sequer tinha cor, quanto mais cavalo... - 11% - 2

-Normalmente essas drogas é mais no 28 de Maio - 37% - 7

-Para esta peço a ajuda do telefone - 16% - 3

-Perguntem-lhe, ele de certeza que sabe - 11% - 2

19 votes total

Free Counter
Free Counter